Mundo
Saber perdoar mesmo após 27 anos de prisão
O segredo do padre Ernest
Esteve preso 11 mil dias. Foi um tempo terrível em que sofreu torturas e trabalhos forçados. Contra todas as expectativas, sobreviveu. Hoje, o padre Ernest Simoni, um dos símbolos da perseguição aos cristãos durante a ditadura comunista na Albânia, recorda esse tempo como quem revela um segredo.
ver [+]
Fundação AIS lança campanha de emergência para alimentar famílias sírias
“Temos muito medo”
Em Março assinalou-se o sexto ano de guerra na Síria. Nas últimas semanas, o exército tem vindo a recuperar vilas e cidades aos jihadistas. Para milhares de famílias, apesar dos avanços ou recuos dos militares, a vida continua num desespero. Falta-lhes tudo.
ver [+]
O testemunho comovente de uma menina cristã refugiada em Erbil
“Rezo pelos jihadistas”
Maryam Waleed tinha 8 anos e morava em Qaraqosh, no Iraque, quando, em Agosto de 2014, se escutaram os primeiros tiros que anunciavam a chegada dos jihadistas. Tudo desabou num instante. Hoje, ela vive num campo de refugiados. Não nos pede brinquedos, nem dinheiro, nem roupa.
ver [+]
Uma Páscoa sangrenta, do Paquistão até à Escócia…
Lahore aqui tão perto
No Domingo de Páscoa, em Lahore, centenas de cristãos morreram ou ficaram feridos em consequência de um atentado suicida. Três dias antes, na Escócia, um muçulmano foi assassinado por ter desejado uma Páscoa feliz aos seus clientes e amigos. O assassino...
ver [+]
Angola: crise do petróleo revela país fracturado
Filhos da má-sorte
Em redor dos bairros luxuosos de Luanda, ilhas perfumadas no meio do lixo dos musseques, vivem milhões de pessoas. O afundamento do preço do petróleo veio tornar ainda mais difícil a vida desta multidão de pobres, desempregados, excluídos. Entre estes...
ver [+]
Sudão do Sul: no meio do horror, uma história feliz
A rapariga escrava
Desde Dezembro de 2013 que o Sudão do Sul está a ferro e fogo. É uma guerra civil que já causou dezenas de milhares de mortos e mais de dois milhões de refugiados. No meio deste ódio à solta, descobrem-se as maiores atrocidades. Há até pessoas, rapazes e raparigas, escravizadas.
ver [+]
Sudão do Sul – Um país que desconhece o que é viver em paz
“Não nos abandonem”
O mais jovem país do mundo ganhou a independência em 2011. Porém, os festejos duraram pouco tempo. Dois anos depois, na véspera do Natal, tudo desabou, com o país a mergulhar num verdadeiro inferno. Do Sudão do Sul chegam-nos gritos de ajuda. Não os podemos ignorar.
ver [+]
Anterior    20   21   22   23   24   25   26   27   28   29   30   31   32   33   34   35      Próximo
A OPINIÃO DE
Pedro Vaz Patto
De entre as muitas mensagens que recebi sobre a pandemia do Covid-19, uma reteve especialmente a minha...
ver [+]

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
Onde está a Igreja nesta guerra mundial, que é a pandemia do coronavírus? Está, como sempre esteve, na...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES