Na Tua Palavra |
D. Nuno Brás
Com Lisboa no coração
<<
1/
>>
Imagem

“Não esqueço nunca Lisboa” – foram estas as palavras do Santo Padre Bento XVI quando, no final do encontro dos Bispos de recente nomeação, que se realizou em Roma, tive oportunidade de saudar Sua Santidade, e lhe disse que era Bispo Auxiliar de Lisboa.

Devo confessar que as palavras do Santo Padre me apanharam de surpresa, tal como devo também dizer que elas me têm enchido o coração ao longo destes dias. É que, com alguma atenção ao que sucedia com os demais Bispos, estou convencido de que as palavras do Papa Bento XVI foram além de uma saudação circunstancial.

O Papa não esquece Lisboa. Não esquece o acolhimento que lhe dedicámos e a celebração a que presidiu. E, sobretudo, não esquece os cristãos da diocese e os seus pastores.

Estamos a iniciar o Ano da Fé, convocado, precisamente, por Bento XVI. A este propósito, o nosso Patriarca dirigiu-nos uma Carta em que nos convidava à escuta da Palavra de Deus, à oração comunitária e pessoal (em particular do Credo) e ao aprofundamento dos conteúdos do Concílio Vaticano II e do Catecismo da Igreja Católica, bem como ao empenho numa nova evangelização, fruto dum novo dinamismo e ardor da fé.

Com a certeza de que o Santo Padre nos tem no coração, não podemos deixar de corresponder, não apenas com um renovado sentimento filial para com o Papa, como também com um maior empenho nesta tarefa que é de agora e de sempre, mas para a qual ele nos convoca de um modo particular neste ano: aprofundar a fé e testemunhá-la sempre e com renovado entusiasmo.

Com efeito, muitos são aqueles que, mesmo dizendo-se cristãos, de facto não conhecem a Jesus – e nunca O poderão conhecer se não existirem cristãos que O mostrem e O tornem presente no meio do mundo.

A OPINIÃO DE
P. Gonçalo Portocarrero de Almada
Foi há alguns dias que, na espaçosa capela de um colégio, presenciei uma cena que me deu que pensar.
ver [+]

Guilherme d'Oliveira Martins
Celebram-se este ano cem anos do nascimento de Sophia de Mello Breyner, um sinal muito português e universal de talento, sensibilidade e sabedoria.
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES