Lisboa |
Assembleia Diocesana do Renovamento Carismático Católico de Lisboa
Inauguração da nova sede diocesana marca encontro
<<
1/
>>
Imagem

A Assembleia Diocesana do Renovamento Carismático Católico de Lisboa ficou marcada, este ano, pela inauguração da nova sede diocesana, em Santa Maria dos Olivais. “Congratulo-me convosco pela nova sede diocesana hoje inaugurada e pela possibilidade de poderdes utilizar esta bela igreja para encontros de oração”, salientou D. Joaquim Mendes, Bispo Auxiliar de Lisboa.

 

Durante este encontro, que decorreu em Domingo de Pentecostes, 8 de junho, na paróquia de Santa Maria dos Olivais, D. Joaquim Mendes recordou aos membros do Renovamento Carismático Católico de Lisboa que “viver segundo o Espírito significa ser testemunha do amor e da misericórdia de Deus”. “Viver segundo o Espírito é comprometer-se com Jesus na construção do seu Reino, que é um Reino de Paz, de Justiça, de Verdade e de Amor”, acrescentou. Na sua homilia, o Bispo Auxiliar do Patriarcado falou também de perdão e misericórdia: “A Igreja recebeu de Jesus a missão de comunicar, mediante o sacramento da Reconciliação, o dom da paz de Cristo ressuscitado, sob a forma de perdão e de reconciliação. O Espírito Santo abre o nosso coração ao amor e à confiança na misericórdia de Deus, que sempre nos perdoa e nos dá a força para perdoar”.

No passado dia 31 de maio, o Estádio Olímpico de Roma, em Itália, recebeu um encontro do Renovamento Carismático com o Papa Francisco, que reuniu mais de 50 mil participantes. Na celebração diocesana, D. Joaquim Mendes citou palavras do Papa no encontro em Itália: “Senhor, olha para o teu povo que espera o Espírito Santo. Olha para os jovens, as famílias, as crianças, os doentes, os sacerdotes, os consagrados, as consagradas, olha para nós bispos, para todos. E concede-nos aquele santa inebriação, a do Espírito, o que faz com que falemos todas as línguas, as línguas da caridade, sempre próximos dos irmãos e das irmãs que têm necessidade de nós”.

Na Tua Palavra
Não nos separemos d’Ele!
por D. Nuno Brás
A OPINIÃO DE
Guilherme d'Oliveira Martins
A canonização de Frei Bartolomeu dos Mártires, da Ordem dos Pregadores (1514-1590), constitui um motivo...
ver [+]

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
Nestes últimos tempos, duas notícias chocaram particularmente os portugueses: o nascimento do Rodrigo,...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES