Lisboa |
Eutanásia
Cardeal-Patriarca e CEP felicitam chumbo
<<
1/
>>
Imagem

O Cardeal-Patriarca de Lisboa felicitou a decisão da Assembleia da República de chumbar a legalização a eutanásia. Em declarações à Renascença, D. Manuel Clemente deixou uma “palavra de congratulação” e considera que “o grande projeto que nós temos todos, como sociedade, é o da vida e a sua dignificação em todo o arco existencial”. O Cardeal-Patriarca defendeu que o caminho a seguir deve ser “tornarmo-nos, realmente e cada vez mais, uma sociedade paliativa, próxima e solidária”.

Também a Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) se congratulou. “É uma vitória da vida em todo o seu sentido, da vida que nunca deveria ser posta à votação tendo em vista a sua eliminação”, refere um comunicado.

 

Médicos Católicos congratulam rejeição

A Associação dos Médicos Católicos Portugueses (AMCP) “congratula-se” com a reprovação dos “projetos de lei levados a votação no Parlamento Português para a despenalização da eutanásia em Portugal”. Para o presidente da AMCP, o médico psiquiatra Pedro Afonso, esta votação revela “uma vitória da medicina e uma vitória da Vida”. “Os médicos não têm outra vocação senão estar ao lado da Vida, tratando e aliviando o sofrimento dos doentes, e garantindo os cuidados paliativos a todos aqueles que deles necessitam”, referiu, em comunicado. A Associação dos Médicos Católicos Portugueses, segundo a nota, “exorta as entidades competentes a um maior investimento nos cuidados paliativos em Portugal”.

foto por Nuno Moura, Arautos do Evangelho
Na Tua Palavra
Não nos separemos d’Ele!
por D. Nuno Brás
A OPINIÃO DE
Isilda Pegado
1. Neste tempo, em que o individualismo parece imperar, apesar da destruição que gera na Sociedade,...
ver [+]

P. Duarte da Cunha
Que todos os homens querem ser felizes não parece ser objecto de discussão entre pessoas sãs. Todos queremos, de facto, ser felizes.
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES