Lisboa |
21º Encontro Interescolas da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica
Compromisso pela paz e pela vida
<<
1/
>>
Imagem

Cerca de 1300 alunos da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC), da Diocese de Lisboa, participaram, em Fátima, no 21º Encontro Interescolas e exploraram a temática dos Direitos Humanos e do clima como bem-comum.

“O encontro decorreu num espírito de festa, com o objetivo de explorar a temática dos Direitos Humanos e do clima como bem-comum, num sinal concreto de compromisso pela paz e pela vida, onde os alunos foram os protagonistas. Num ambiente de alegria e partilha, ao longo da tarde, participaram 20 escolas da Diocese de Lisboa com apresentações produzidas pelos próprios alunos e professores da disciplina de EMRC. Entre dança, música rap, fado, música pop e dramatizações o encontro espelhou a diversidade e criatividade dos alunos na defesa da igualdade de Direitos do Homem e das Crianças”, assinala um comunicado do Secretariado Diocesano do Ensino Religioso (SDER), que organizou o encontro que teve como tema ‘Celebrar a Vida!’.

No passado dia 2 de abril, no Centro Paulo VI, em Fátima, “o foco das apresentações centrou-se no reconhecimento do outro e na celebração da vida”. “A vida como bem absoluto, no respeito e na abertura ao outro, com vista à dignidade do ser humano, sob a égide do modelo cristão de felicidade, proposto pelo Papa Francisco”, frisa a nota do SDER, destacando a necessidade de uma escola humanizada com vista a um mundo melhor: “A mensagem final transmitida pelos alunos é a de que nesta ‘casa comum’ tudo está interligado, pessoas e natureza. Salientou-se ainda a necessidade de vivermos em tolerância e num ambiente de respeito pela diferença, no intuito de se caminhar para uma escola onde todos aprendam e cresçam em conjunto. Em suma, uma escola onde somos ‘todos diferentes, mas todos espetaculares’, uma escola humanizada com vista a um mundo melhor, a um mundo com esperança”.

O 21º Encontro Interescolas da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica ficou ainda marcado pelo concurso de mascotes e respetiva entrega de prémios. Por último, os professores de EMRC subiram ao palco, “sob uma onda de aplausos dos alunos”, para “entrega de um presente simbólico, pelo trabalho e empenho em prol da disciplina na escola”. “A festa culminou num momento de união entre professores e alunos, em palco, com o lema ‘EMRC é fixe!’”, termina o comunicado do SDER de Lisboa.

fotos por SDER de Lisboa
Na Tua Palavra
Não nos separemos d’Ele!
por D. Nuno Brás
A OPINIÃO DE
António Bagão Félix
Na semana passada li uma entrevista com um candidato a deputado (cabeça-de-lista) pelo circulo eleitoral do Porto.
ver [+]

P. Manuel Barbosa, scj
Com “missão nas férias” não quero propor programas de férias missionárias, nem dizer que a missão está de férias.
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES