Lisboa |
Dehonianos condecorados nos 75 anos em Portugal
“Responsabilidade acrescida”
<<
1/
>>
Imagem

A Província Portuguesa dos Sacerdotes do Coração de Jesus (Dehonianos) foi agraciada pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, com a Medalha da Ordem do Mérito, que distingue “a abnegação em favor da coletividade”.

Na cerimónia realizada no Palácio de Belém, estiveram presentes o superior geral dos dehonianos, padre Carlos Luis Suárez Codorniú, o superior provincial, padre João Nélio Simões Pereira, o presidente da Conferência Episcopal Portuguesa, D. José Ornelas, e o ecónomo provincial, padre José Camilo Dias das Neves. “Gratos por este reconhecimento que é prestado a todos os religiosos da Província, aos benfeitores, membros da Família Dehoniana e amigos, sentimo-nos, agora, portadores de uma responsabilidade acrescida no cuidado do espaço social onde cumprimos a nossa missão”, escreveu o padre João Nélio Simões Pereira.

A data que assinala a chegada do primeiro religioso dehoniano italiano a Portugal, teve ainda a sessão solene, no Seminário de Nossa Senhora de Fátima, em Alfragide, e a Missa presidida pelo Cardeal-Patriarca de Lisboa, na igreja de Alfragide, onde foi ordenado diácono António Jesus da Silva, a quem D. Manuel Clemente lançou o desafio de ser “presença do Ressuscitado” na fragilidade do mundo.

fotos: dehonianos.org
A OPINIÃO DE
José Luís Nunes Martins
Aquilo que somos depende do que fazemos com o que recebemos. A nossa primeira responsabilidade será...
ver [+]

P. Manuel Barbosa, scj
Dialogar, escutar, discernir: três atitudes a marcar o processo sinodal iniciado em outubro de 2021 com as fases diocesana e nacional.
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES