Lisboa |
‘Acolher Ucrânia’
“Acolhimento incansável e empenhado”, em Arruda dos Vinhos
<<
1/
>>
Imagem

‘Acolher Ucrânia’ é o lema de um projeto de cidadania de apoio ao povo ucraniano a que a paróquia de Arruda dos Vinhos aderiu. “Encontrámos, em Arruda dos Vinhos, uma comunidade com um coração enorme para acolher e integrar as cerca de sessenta pessoas que, por diferentes caminhos, têm chegado às famílias da nossa comunidade. As famílias disseram SIM, enchendo de esperança crianças e mães que chegaram sem ela, vendo as suas famílias desunidas e os seus sonhos e memórias destruídas”, observa um comunicado desta paróquia da Vigararia de Alenquer, sublinhando que “as famílias [ucranianas] devem ser acolhidas por famílias e não em ambientes descaracterizados e impessoais”. “É aqui principalmente que estamos a fazer a diferença em Arruda dos Vinhos. Queremos agir em prol do bem-estar destas pessoas, acompanhando-as de forma personalizada, e procurando que os sentimentos de abandono e sofrimento vividos no último mês, tornando-as carentes e inseguras, sejam colmatados com amor, afeto e empatia. As famílias têm feito um trabalho de acolhimento incansável e empenhado, seguras do seu propósito e na vontade de uma resposta à altura do desafio que lhes foi lançado ao coração”, salienta a nota acerca deste projeto, que foi criado em articulação com a Ukrainian Refugees UAPT, as Conferências Vicentinas, o Município de Arruda dos Vinhos e outras organizações públicas e privadas. “É espantoso como o Amor e a Compaixão unem as pessoas com laços tão fortes”, frisa a paróquia, que tem como pároco o padre Daniel Almeida, sublinhando ainda que “as Conferências Vicentinas estão a recolher materiais de higiene para as famílias de refugiados que chegaram”. “Podem entregar os materiais de higiene no fim das missas no salão paroquial, ou ao fim do dia quando o cartório está aberto, no salão paroquial ou ao sábado pelas 15h nas Conferências Vicentinas”, frisa o comunicado.

Informações: www.acolherucrania.pt

 

__________


Cáritas angaria 506 mil euros para a Ucrânia

A campanha ‘Cáritas Ajuda Ucrânia’ angariou, até dia 30 de março, “o valor total de 506 mil euros”, anunciou a Cáritas Portuguesa, revelando ainda que “fez já a aplicação de 40 mil euros para a apoio à Cáritas da Ucrânia (20 mil euros) e à Cáritas da Polónia (20 mil euros)”. “Para a resposta às situações resultantes do acolhimento de refugiados em território nacional, foi alargado o programa nacional ‘Vamos Inverter a Curva da Pobreza em Portugal’”, informa um comunicado da instituição, a propósito do Conselho Geral da Cáritas Portuguesa, que reuniu, em Fátima, a 2 e 3 de abril, representantes de 18 das 20 Cáritas Diocesanas. O presidente da Comissão Episcopal da Pastoral Social e Mobilidade Humana, D. José Traquina, presidiu aos trabalhos e “agradeceu à rede Cáritas o trabalho que está a ser desenvolvido em todo o país” e “o grande testemunho que a ação social dá à Igreja”, segundo a nota.

A OPINIÃO DE
P. Manuel Barbosa, scj
1. Em setembro de 2008, cerca de 800 pessoas de todas as Dioceses de Portugal participaram em Fátima...
ver [+]

José Luís Nunes Martins
A vida é feita de inúmeras perdas. Todos os dias o nosso caminho segue enquanto há algo que temos de deixar para trás.
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES