Na Tua Palavra |
D. Nuno Brás
Misericórdia ou justiça?

“Misericórdia ou justiça”: nos últimos tempos, assim se tem resumido (reconheçamos de um modo assustadoramente simplista) algumas das nossas encruzilhadas pastorais.

Se as narrações evangélicas dos encontros de Jesus com os seus contemporâneos saem habitualmente fora do que poderíamos humanamente esperar – são sempre encontros de Deus com o homem – a narração do sucedido com o chamado “jovem rico” (Mc 10,17-27), que escutámos no Domingo passado, é ainda mais intrigante.

Afinal, o evangelista não hesita em narrar um aparente “falhanço” de Jesus. Com efeito, aquele homem tinha tudo para ser um bom discípulo: tinha um passado de procura e de fidelidade aos mandamentos; e, depois, tendo encontrado Jesus, reconheceu-O como Deus, ajoelhando-se e chamando-lhe “bom”. Por seu lado, também Jesus não falta a este homem com a Sua misericórdia: o evangelista diz que o Senhor olhou para ele e amou-o – o amor misericordioso de Deus que tudo transforma e a tudo dá sentido; que “tudo torna possível”. E, no entanto, àquele homem faltou-lhe um passo, ao contrário de Zaqueu: faltou-lhe ser capaz de dar a sua riqueza aos pobres para poder seguir Jesus. “Tinha bens”, diz S. Marcos, sem mostrar que tipo de bens, apenas nos dizendo que eram muitos.

A misericórdia é a justiça de Deus, tal como a justiça de Deus é misericórdia. Mas ela pode sempre esbarrar perante a vontade livre do ser humano. Mesmo quando, à partida, tudo parece desembocar numa decisão séria de seguir Jesus.

Talvez a questão não seja entre “misericórdia ou justiça” mas entre estar ou não disposto a dar o passo que falta para seguir o Senhor.

A OPINIÃO DE
P. Gonçalo Portocarrero de Almada
O Patriarca de Lisboa e o Bispo de Aveiro, Presidente da Comissão para a Educação Cristã e Doutrina...
ver [+]

Guilherme d'Oliveira Martins
Começo por lembrar sentidamente a partida de Frei Mateus Cardoso Peres, O.P. (1933-2020), personalidade...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES