Missão |
Despertar consciências
Campanha Pequenos Passos
<<
1/
>>
Imagem

A FEC – Fundação Fé e Cooperação tem a decorrer desde Outubro de 2019 e até ao fim de Janeiro de 2020 a campanha Pequenos Passos com o objetivo de despertar consciências e mobilizar os cidadãos para assumirem compromissos concretos (pequenos passos) na sua vida diária, que os tornem consumidores e utilizadores mais responsáveis. A campanha é uma iniciativa promovida pela FEC - Fundação Fé e Cooperação, com o apoio do Instituto Camões e da Comissão Europeia, através do programa “Trade Fair, Live Fair”.

 

“Não deixes o teu futuro em standby”

Esta campanha conta com várias provocações como “Não deixes o teu futuro em standby” ou “Não queres ser a última geração”, procurando passar a mensagem de que um consumo e produção mais justos e sustentáveis são o caminho necessário para se concretizarem os imperativos da responsabilidade intergeracional. Este mote convoca o compromisso com uma Ecologia Integral, enquanto novo paradigma de justiça e de preocupação com as gerações vindouras. A ação climática e a produção e consumo sustentáveis são preocupação de uma minoria crescente, mas ainda aquém da mobilização geral que o tema exige. É preciso perceber em que é que mudamos, de que é que estamos dispostos a abdicar e a fazer mais com menos. Sabemos também que o impacto mais pesado das alterações climáticas “recai sobre os mais pobres”. A proposta de um “novo estilo de vida” é um dos propósitos da Encíclica ‘Laudato Si’ - Sobre o cuidado da casa comum’, na qual o pontífice critica o consumismo e o desenvolvimento irresponsável e faz um apelo à mudança. Os pequenos passos que propomos não são um caminho individualista a percorrer, mas sim uma maneira de nos religarmos aos valores da transformação social que pretendemos, de forma a acelerar a ação climática e proteger os direitos humanos. A campanha propõe-se contrariar a “lógica do descartável”, ambiental ou humano, através da mensagem-chave de que os hábitos de consumo e, consequentemente, a produção deve reger-se pelo princípio da suficiência e da partilha e não da acumulação.

 

Os quatro princípios da Campanha

Esta campanha assenta em quatro princípios, inspirados no “Guia Prático para Jornalistas sobre Estilos de Vida Sustentáveis” (2019), um recurso da CIDSE, parceira da FEC:

1. Mostrar pessoas “reais”, com a recolha de vários compromissos de cidadãos europeus que assumiram pequenas mudanças de comportamento nas suas vidas quotidianas;

2. Contar histórias novas com impacto local, como a Caminhada pela Mudança da Laura e da Madalena, duas jovens que foram de Lisboa a Roma, no mês de Outubro, atravessando 8 países, tendo em vista a participação no Sínodo da Amazónia. A história mostrou que existem alternativas sustentáveis concretas, com base nos valores da partilha, da espera (expressas nas boleias e no acolhimento) e do pensamento global (tendo como fim o Sínodo da Amazónia).

3. Mostrar as causas e os impactos das alterações climáticas, através de um vídeo e da criação de infografias onde é possível perceber de forma simples o impacto do consumo no planeta, em áreas que vão desde a alimentação, à mobilidade, energia, moda e gadgets.

4. Ter cuidado com os discursos negativos e de protesto, optando por mensagens positivas e inspiradoras. 

A campanha conta com vários canais, desde o site (www.pequenospassos.pt), às redes sociais da FEC (facebook e instagram) e a spots transmitidos na rádio.

 

Esta campanha insere-se no projeto Juntos pela Mudança II, que tem como objetivo contribuir para a resiliência às alterações climáticas, através da adoção de estilos de vida e estratégias mais justas e sustentáveis a nível local e global. O projeto é financiado pelo Camões - Instituto da Cooperação e da Língua, I.P e conta com a parceria da Associação Casa Velha – Ecologia e Espiritualidade e da CIDSE.

texto por FEC | Fundação Fé e Cooperação
A OPINIÃO DE
Guilherme d'Oliveira Martins
A encíclica «Fratelli tutti» (FT) é uma corajosa invocação de S. Francisco de Assis, a lembrar-nos que...
ver [+]

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
Deo gratias! No passado dia 10 de Outubro, foi beatificado Carlo Acutis, um jovem italiano de 15 anos, falecido em 2006.
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES