Lisboa |
Eutanásia
O alerta para a “rutura no dique da vida”
<<
1/
>>
Imagem

O Grupo de Trabalho Inter-religioso – Religiões-Saúde (GTIR) esteve no Parlamento e manifestou a preocupação aos deputados, pelo risco de se abrir uma “rutura no dique da vida” com a eutanásia. “Reafirmámos os nossos princípios e porque defendemos a nossa posição de que uma lei da eutanásia trará dificuldades e problemas, porque introduzirá uma rutura no dique da vida”, explicou o padre Fernando Sampaio, representante da Igreja Católica neste grupo.

A Associação dos Médicos Católicos, presente na mesma audição, reiterou “a sua absoluta oposição a todos os projetos Lei de Despenalização da Eutanásia apresentados”.

A OPINIÃO DE
Isilda Pegado
1. Há momentos em que é a questão de Princípio ou os Valores Civilizacionais, que nos levam a tomar posição.
ver [+]

P. Nuno Amador
A noite é um lugar intrigante, enigmático, ambivalente. Se ela “é mais pura do que o dia”,...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES