Uma semana com... um padre |
Padre Filipe Sousa: O padre sem agenda
<<
1/
>>
Imagem

Os muitos afazeres não permitiram ao padre Filipe Sousa, de 27 anos, a partilha de toda a sua semana no blogue “Uma semana com… um padre”. Quando era seminarista, este jovem já tinha sido avisado: “um padre não tem agenda”.

O blogue “Uma semana com… um padre” continuou na área geográfica das Caldas da Rainha e depois do padre Abel Mateus recebeu as partilhas do padre Filipe Sousa, pároco de Salir de Matos e Carvalhal Benfeito.

No sábado, dia 30 de Janeiro, a apresentação: “Viva a todos. Embora pese o facto de estarmos num mundo virtual, portanto, anónimo e distante, penso ser bom começar com uma breve apresentação minha (velhos hábitos...). Sou o Padre Filipe Alexandre Gomes de Sousa, tenho 27 anos e cresci em Mafra. Fui ordenado presbítero no dia 1 de Julho de 2007 e, depois de uma passagem de dois anos pela Paróquia de Algueirão-Mem-Martins-Mercês, sou actualmente prior de duas paróquias situadas no concelho das Caldas da Rainha: Salir de Matos e Carvalhal Benfeito (…) vivo numa casa que alberga 8 padres, alguns deles, inclusivamente, já participaram neste blogue, como o P. Rui Gomes, o P. Rui Gregório e o P. Abel Mateus”.

Neste dia dedicou especial atenção aos acólitos. “É algo de especial para eles estar junto do altar, no lugar central da celebração onde acontece o mistério da entrega de Jesus por cada um de nós. Estar junto deles faz-me também assumir, com o pasmo e brilho que vejo nas suas caras, a missão do sacerdote: dar a conhecer o amor de Jesus, Jesus morto e ressuscitado. Ao mesmo tempo, recordo aquilo que foi o início do meu chamamento: Também comecei por ser acólito na minha paróquia”.

O domingo “é dia de Festa”. Depois de duas Eucaristias e de uma “enxorrada” de solicitações – “que me apanhou desprevenido e para os quais procurei apontar um caminho” –, o padre Filipe Sousa almoçou na festa da Associação de São Domingos. À tarde, teve ainda outra Eucaristia onde celebrou os padroeiros da terra: “Santa Maria e São Brás das Antas”.

A segunda-feira, para a maioria dos padres, é dia de descanso. “Como já foi escrito pelos meus antecessores no blogue, a segunda-feira é, habitualmente, tempo para estarmos com a nossa família. Tempo para abrandar o ritmo nas paróquias. Foi isso que eu também fiz”. No final da manhã, jogou futebol: “Juntei-me ao grupo de padres que se reúne à segunda para jogar à bola – desta vez perdi, por isso não me vou alongar mais...”.

O dia de terça-feira, dia 2 de Fevereiro, ficou marcado pelo encontro dos padres com quem o padre Filipe vive. “A partilha do que foi o fim-de-semana, as várias iniciativas que iniciamos e outras que começam a dar os primeiros frutos, o buscar duma opinião para determinado problema, o rirmo-nos de alguma situação mais caricata... O facto de viver com outros padres, para além de outras vantagens, dá a oportunidade de pensarmos alguma iniciativa para as paróquias”. Neste dia, tempo ainda para celebrar missa em Salir de Matos com os bebés baptizados na paróquia no ano passado: “Foi uma Eucaristia animada pois é impossível termos as crianças quietas, como devem imaginar, mas sobretudo emotiva, ver alguns daqueles que baptizei tão crescidos e despertos para a fé”.

Quarta-feira chegava o aviso: “Como já se devem ter dado conta – eu não pobre mas rico em pecados me confesso – não tenho sido fiel ao blogue... Foi um compromisso que fiz ao aceitar esta tarefa, mas a verdade é que por vezes misturam-se tantos afazeres que eu não sei a qual responder em primeiro lugar!!! (…) Sem me querer desculpar, mas quando era seminarista um padre uma vez disse-me algo que me assustou e na altura não compreendi: ‘um padre não tem agenda’. Hoje continua a assustar-me embora já a compreenda muito bem!”. E, de facto, na quinta e sexta-feira não houve partilhas do padre Filipe Sousa em http://umasemanacom.blogspot.com.

 

 

Comentários e opiniões

“Grande Filipe! Prometemos seguir os teus passos esta semana! Rezamos por ti!”

Padre Nuno Westwood

 

“É concerteza "qualquer coisa de extraordinário", Alguém se dispor a "estar e partilhar a vida"connosco! Rezarei por Si, mas o mais certo será o Sr.Pr.Filipe rezar por todos nós.”

Lu NL

 

“Bom dia Pe. Filipe. A viagem que fizemos à Terra Santa, organizada pelo Prof. João Lourenço, onde também tomou parte, nessa altura ainda diácono, deixou marcas indeléveis em todos os peregrinos.”

Maria Teresa Guedes Albuquerque

 

“Caro Pe. Filipe, sem desmérito para os seus antecessores por essas localidades, não tenho dúvida de que com a sua presença, com o seu dinamismo, com a sua juventude levou talvez uma lufada de ar fresco a essas paróquias de Salir de Matos, Carvalhal Benfeito e Caldas da Rainha. Faça favor de rezar pela Equipa da Pastoral Juvenil da Vigararia 6 do Termo Ocidental.”

Zé Alberto

 

“Olá pe. Filipe. Dou graças a Deus pela sua generosidade de querer partilhar connosco a sua entrega de pastor às gentes "destas bandas". Que Deus lhe dê coragem para dizer Sim quotidianamente.”

Salomé (Gaeiras)

 

 

Todas as partilhas do padre Filipe Sousa

http://umasemanacom.blogspot.com/search/label/Pe.%20Filipe%20Sousa

Diogo Paiva Brandão
A OPINIÃO DE
Padre Fernando Sampaio
Nenhum pecador pode permanecer na presença de Deus. O Profeta Isaías, depois da visão de Deus, sentiu-se...
ver [+]

Maria José Vilaça
Vivemos estes últimos meses marcados por várias notícias que merecem alguma reflexão. Desde as eleições...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES