Roma |
Audiência-geral de quarta-feira
“A Missa é sempre celebrada por todos os cristãos que a vivem”
<<
1/
>>
Imagem
Video

Não basta um cristianismo intimista ou uma espiritualidade desvinculada, lembrou o Papa nesta quarta-feira. Para viver a fé cristã, “é fundamental a liturgia da Igreja”. Francisco dedicou a catequese da audiência-geral à importância da liturgia na vida do cristão e destacou que “Jesus Cristo não é uma ideia ou um sentimento, mas uma Pessoa viva”, e que “o seu Mistério é um evento histórico”. Por isso, “a oração dos cristãos realiza-se através de mediações concretas: a Sagrada Escritura, os Sacramentos, os ritos litúrgicos”. E, para que não restem dúvidas, “a liturgia é ação que fundamenta toda a vivência cristã”. “Por isso, um cristianismo sem liturgia é um cristianismo sem Cristo”, afirmou.

Francisco esclareceu ainda que “a Missa não pode ser somente ‘ouvida’, como se fôssemos apenas espectadores de algo que decorre sem nos envolver. A Missa é sempre celebrada, não apenas pelo sacerdote que a preside, como por todos os cristãos que a vivem. O centro é Cristo”.

 

 

1º Dia Internacional da Fraternidade Humana

No final da audiência-geral, que decorreu na biblioteca do Palácio Apostólico, no Vaticano, neste dia 3 de fevereiro, o Papa referiu-se ao encontro virtual que decorre na quinta-feira, para assinalar o 1.º Dia Internacional da Fraternidade Humana, estabelecido pela ONU.

A iniciativa coincide com a assinatura, em 4 de fevereiro de 2019, do ‘Documento sobre a Fraternidade Humana em prol da Paz Mundial e da Convivência Comum’, em Abu Dhabi, feita pelo Papa Francisco e pelo Grande Imã de Al-Azhar, Ahmad Al-Tayyeb. No encontro online de amanhã, além dos dois signatários, participam o secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, e outras personalidades.

Esta manhã, Francisco destacou que a resolução da ONU que institui o Dia Internacional da Fraternidade Humana reconhece “a contribuição que o diálogo entre todos os grupos religiosos pode prestar para melhorar a consciência e a compreensão dos valores comuns partilhados por toda a humanidade”. Neste contexto, o Papa pediu aos fiéis que rezem “por esta intenção” e que seja este “o nosso compromisso de todos os dias do ano”.

A OPINIÃO DE
Pe. Alexandre Palma
A ecologia parece um assunto novo. Ampliado pelo actual sobressalto ambiental, o termo e o tema determinam hoje muito da nossa agenda pública.
ver [+]

Pedro Vaz Patto
De entre os episódios de violência e perseguição contra cristãos, têm vindo em particular evidência nos últimos tempos os ocorridos na Nigéria.
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES