Juventude |
Carta do Serviço da Juventude aos jovens
Um ano de esperança e entusiasmo
<<
1/
>>
Imagem

Queridos jovens,

É com alegria que o Serviço da Juventude vos saúda neste início do ano pastoral. Um ano que olhamos cheios de esperança e entusiasmo, não apenas por vários acontecimentos marcantes a nível juvenil que acontecerão na nossa diocese, mas também pela continuidade do caminho que nos últimos tempos temos vindo a trilhar rumo à Jornada Mundial da Juventude em 2023 na nossa diocese.

A JMJ será uma experiência única na nossa Igreja e na nossa sociedade. Não é um acontecimento isolado no tempo: estamos já a caminho carregando “o sonho missionário de chegar a todos os jovens”. Chegar a todos os jovens, é sem dúvida um grande desafio. Chegar aos jovens das nossas paróquias e movimentos, mas também chegar aos jovens que estão longe da Igreja, num processo missionário, pela atração e pelo testemunho, como nos diz o nosso Papa Francisco. Esta saída missionária faz parte da identidade cristã de todos os batizados. Nela estão empenhados todos os sectores pastorais da nossa diocese, tal como toda a comunidade eclesial.  

O Serviço da Juventude deseja, neste ano pastoral, proporcionar aos jovens ocasiões de escuta da voz do Senhor e de discernimento sobre as suas vidas. Para isso é necessário fomentar espaços de encontro pessoal e comunitário com o Senhor ressuscitado, deixando que Ele fale ao coração de cada um, deixando que Ele segrede o sonho que tem para cada jovem. Não é por acaso que a segunda referência da carta pastoral deste ano do nosso Patriarca, D. Manuel Clemente, é a opção prioritária da pastoral juvenil e universitária, referindo a importância da “criação de espaços de referência para o desenvolvimento espiritual e o acompanhamento vocacional e mútuo” (Carta Pastora, D. Manuel Clemente, 1 de setembro de 2021). 

No que concerne às atividades, para este ano pastoral, o Serviço da Juventude tem no seu calendário diferentes iniciativas juvenis, das quais destacamos três: Jornada Diocesana da Juventude (JDJ), os dias 23, a formação.

 

JDJ

Aquando da entrega dos símbolos da JMJ aos jovens portugueses, o Papa Francisco anunciou que o Dia Mundial da Juventude, celebrado anualmente em cada diocese, passa a ser na Solenidade de Cristo Rei, que este ano tem lugar a 21 de novembro.

A Jornada Diocesana da Juventude será uma oportunidade para nos reencontrarmos fisicamente, mostrando a alegria de que Cristo vive, de que Cristo reina, de que Cristo é o Senhor!

Uma ocasião para compartilhar a vida, festejar, escutar testemunhos concretos, experimentar o encontro comunitário com o Deus vivo e vivenciar a dimensão missionária do anúncio do Evangelho.

Marquem já nas vossas agendas esta data!

 

Os dias 23

Iniciámos o caminho dos dias 23 em novembro do ano passado. Em cada mês, no dia 23, houve um acontecimento, um marco no caminho de preparação para a JMJ Lisboa 2023. Dadas as circunstâncias da pandemia, grande parte destes dias teve uma participação física de jovens em número muito reduzido, com transmissão nas redes sociais do Patriarcado. Mas este ano, queremos chegar a todos, e por isso, os dias 23 serão vividos localmente, nas vigararias, com a presença da cruz da JMJ do COD de Lisboa, em encontros abertos a todos os jovens da diocese. Em cada mês, no dia 23, numa zona da nossa diocese, o coração pulsará rumo à JMJ Lisboa 23. Na tabela seguinte podem consultar a calendarização:

 

Mês

Vigararia

nov/21

Alenquer

dez/21

Vila Franca de Xira - Azambuja

jan/22

Sacavém /  Loures - Odivelas

fev/22

Amadora

mar/22

Cascais

abr/22

Oeiras

mai/22

Sintra

jun/22

Mafra

jul/22

Torres Vedras

ago/22

Lourinhã

set/22

Caldas da Rainha - Peniche

out/22

Alcobaça - Nazaré

nov/22

Lisboa I - II - III - IV - V

 

Formação

Na Exortação Apostólica Cristo Vive, o Papa faz aponta para “a urgência de que os jovens sejam mais protagonistas nas propostas pastorais” (ChV202). Ser protagonista é estar envolvido, participar em processos de decisão, comprometer-se com a igreja de hoje, colocar-se em constante dinamismo de corresponsabilidade, isto porque, os jovens ajudam a Igreja a permanecer sempre jovem.

Neste sentido torna-se importante assumir Itinerários formativos juvenis, para melhor comunicar a alegria do Evangelho. Destacamos as catequeses do “Rise Up”, disponíveis brevemente, e o encontro de formação agendado para o dia 5 de março de 2021.

 

O programa pastoral da Diocese de Lisboa para os próximos dois anos tem como título “Maria levantou-se e partiu apressadamente; o sonho missionário de chegar a todos os jovens”. Neste ano aventuremo-nos, tal como Maria, a este duplo movimento: levantar e partir. Queridos jovens, que este ano pastoral seja fecundo no crescimento da fé, na participação de uma esperança viva, e na vivência de uma caridade próxima.

 

Um abraço a cada um

Pelo Serviço da Juventude

Irmã Rita Ornelas, Serva de Nossa Senhora de Fátima

 

________________


Jovens do Caminho Neocatecumenal em peregrinação

Como preparação à JMJ 2023, 75 jovens da Diocese de Lisboa, pertencentes ao Caminho Neocatecumenal, acompanhados pelos seus catequistas e dois sacerdotes, peregrinaram ao Santuário de Santo Inácio de Loyola em Azpeitia, de 2 a 5 de setembro. Aproveitando o facto de neste ano se celebrar o Jubileu dos 500 anos da Conversão deste santo, desejámos não só alcançar as graças próprias do Jubileu, para o qual nos preparámos, mas também, e, sobretudo, encontrarmo-nos com Deus, abrindo o nosso coração à Vida que Ele nos quer dar.

Como peregrinos pusemo-nos a caminho. Destes dias, destacámos alguns dos momentos mais fortes:

- A celebração penitencial na Paróquia de Casal Cambra antes da partida;

- O acolhimento e as laudes que rezámos em Salamanca;

- Os minutos de oração particular na capela, outrora quarto, onde Santo Inácio, em sofrimento, se encontrou com Jesus, e mudou a direção da sua vida;

- O encontro com as Monjas Contemplativas IESU COMMUNIO, que nos receberam com uma alegria transbordante, que brota de corações profundamente enamorados de Cristo. A sua felicidade vivida em Deus foi um forte testemunho para nós;

- As eucaristias que celebrámos no Seminário Redemptoris Mater de Burgos e a generosidade de tantos irmãos na fé que tornaram possível esta peregrinação. 

Peregrinaram jovens e catequistas das Paróquias de Casal de Cambra (54), Penha de França (8), Apelação (10), São Domingos de Benfica (9), Calhariz de Benfica (2), Brandoa (3), Olhalvo (1), Milharado (1) e Merceana (1), formando um total de 89 irmãos.

A OPINIÃO DE
Guilherme d'Oliveira Martins
A primeira palavra que desejo exprimir hoje é de homenagem à memória do Padre Vítor Feytor Pinto, exemplo...
ver [+]

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
Fátima é o nome da filha de Maomé, mas é sobretudo o local em que Nossa Senhora apareceu seis vezes,...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
Galeria de Vídeos
Voz da Verdade
EDIÇÕES ANTERIORES